Foto: altrofoto.de

A IVECO realizou um projeto piloto, em parceria com o grupo BMW, para testar um veículo movido a Gás Natural Veicular (GNV), por meio do Gás Natural Liquefeito (GNL), nas operações logísticas da fabricante alemã, na Europa. O modelo escolhido foi o IVECO Stralis NP, primeiro caminhão movido a gás natural projetado para o transporte de longa distância.

O teste, implementado com a empresa de transportes Spedition Duvenbeck, da Alemanha, foi realizado com um caminhão IVECO Stralis NP 400, movido a GNL, transportando diariamente motores da planta industrial da BMW, em Steyr, na Áustria, para suas instalações em Ratisbona, na Alemanha.

Pierre Lahutte, presidente mundial da IVECO, destaca que a empresa se orgulha pelo fato de a BMW compartilhar com a marca essa visão do futuro do setor, reconhecendo o gás natural como o próximo passo em direção à sustentabilidade. “Percebemos um rápido crescimento no número de fabricantes e operadoras logísticas internacionais optando pelo GNL. Muitos estão escolhendo a IVECO para converter suas frotas em GNL, tendo em vista a experiência dos nossos avanços nos últimos 20 anos.” A IVECO tem sido pioneira na tecnologia de gás natural nos últimos 20 anos e é reconhecida como líder do setor.

IVECO

IVECO, uma companhia da CNH Industrial, projeta, fabrica e comercializa uma completa gama de veículos comerciais leves, médios e pesados, caminhões fora-de-estrada, ônibus urbanos e intermunicipais, bem como veículos especiais para aplicações como combate a incêndios, missões off-road, defesa e proteção civil. A IVECO emprega mais de 26 mil pessoas em todo o mundo. A empresa gerencia centros de produção em 11 países distribuídos pela Europa, Ásia, África, Oceania e América Latina, onde fabrica veículos com as mais avançadas tecnologias. Um total de 5 mil pontos de vendas e postos de serviços em mais de 160 países garantem o suporte técnico onde quer que um veículo IVECO esteja em operação. 

Para mais informações da IVECO, visite www.iveco.com.br

Para mais informações da CNH Industrial, visite: www.cnhindustrial.com 


Share this article