No dia 28 de outubro, às 23h30, estreia o Mesa para Todos no canal GNT, uma coprodução com Maria Farinha Filmes. O documentário mostra os bastidores do Reffetorio Gastromotiva, projeto do chef curitibano David Hertz, empreendedor social e fundador da Gastromotiva; do chef Massimo Botura, eleito o melhor do mundo à frente do restaurante Osteria Francescana (Modena, Itália) e fundador da Food For Soul; e da jornalista e curadora gastronômica Alexandra Forbes.

Os três compartilham o sonho de garantir acesso à comida de qualidade a todos que passam fome. A partir deste desejo, fundaram o Refettorio Gastromotiva, que foi lançado nas Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro. O documentário traz entrevistas e imagens capturadas ao longo do lançamento.

O Refettorio é um restaurante escola, cujos pratos, durante o período das Olímpiadas, foram elaborados pelos melhores chefs do mundo, como Alain Ducasse, Mauro Colagreco, Virgilio Martinez, Micha, Kamila Seidler e Manu Bufara, utilizando apenas alimentos que seriam desperdiçados. Alunos do curso profissionalizante da Gastromotiva também participaram da preparação das refeições.

Atualmente, o serviço de salão fica a cargo de voluntários que se inscrevem para viver a experiência. “Combate ao desperdício, educação, empoderamento de jovens e dignidade para todos. Por meio deste filme, nossas organizações pretendem inspirar novas gerações a criarem pontes entre realidades que são aparentemente separadas, mas que são parte de uma mesma sociedade”, completa Hertz.

Refettorio vem do latim reficcere, que significa ‘resgate’ – neste caso, tanto do ingrediente quanto da dignidade humana. “Hoje, três anos após o lançamento, o poder da intenção e a capacidade de resiliência de toda equipe mantêm o Refettorio Gastromotiva aberto. Diariamente perseguimos o aprofundamento do impacto causado neste laboratório de inovação e tecnologia social”, afirma David Hertz.

O idealizador e diretor geral do documentário, Kiko Ribeiro, já dirigiu obras como o documentário da HBO Eu mudo o mundo e a série Tabu da Net Geo. É também coprodutor, ao lado de André Finotti, que atuou em trabalhos como Nunca me sonharam (Cacau Rhoden) e Carandiru, o filme. “Uma iniciativa social desta magnitude, se não for vista, conhecida e reconhecida, fica diminuída a um impacto local”, comenta Kiko Ribeiro.

“Temos orgulho de abraçar iniciativas que trazem benefícios sociais como o Refettorio Gastromotiva. A parceria na coprodução do documentário, assim como a estreia de ‘Mesa Para Todos’ no canal, faz parte do nosso compromisso de inspirar pessoas e de sermos por elas inspirados”, comenta Suely Weller, gerente de conteúdo do GNT, do Viva e do Mais Globosat.

Serviço – documentário Mesa Para Todos

Estreia: 28 de outubro no canal GNT.

Horário: às 23h30.

Reprises: 29 de outubro, às 03h30; 30 de outubro, às 9h30.

Sinopse

Para muitos, ser um chef de cozinha renomado é um reconhecimento pessoal, para outros é um meio de conscientização e transformação do mundo. Por isso, Massimo Bottura e David Hertz convidam as pessoas a lutar em prol de uma alimentação de qualidade para todos.

Sobre a Gastromotiva

Fundada em 2006, pelo chef e empreendedor social David Hertz, a Gastromotiva é cocriadora do Movimento da Gastronomia Social. Uma iniciativa global que articula as melhores práticas e integrantes da sociedade, empresas, governos e agências internacionais em torno do potencial transformador da comida. Fome, desperdício, falta de oportunidades e má nutrição são desafios globais que demandam ações conjuntas. A partir da experiência acumulada em mais de uma década de trabalho e impacto social no Brasil, no México, na África do Sul e em El Salvador, a Gastromotiva contribui para a transformação de vidas nos locais em que atua e cada vez mais amplia sua visão e ação global de cooperação com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU.


Share this article