Comunicação Digital

No auge dos seus 13 anos de idade, completados em julho deste ano, a rede social do passarinho azul continua “piando” pela internet. Já pode ser considerada uma senhora nas redes sociais se comparada às demais que ainda sobrevivem ao mercado. Nasceu em 2006 esbanjando espontaneidade e instantaneidade e continua firme em seu propósito: desafiar as pessoas a expressarem suas opiniões em poucos caracteres.

Apesar de alguns acharem que o Twitter perdeu seu brilho, ele continua firme e forte sem pretensões de ser a maior rede social do mundo. Talvez esse seja o segredo de ele ainda não ter evaporado da web, como o falecido Orkut e seus dez anos de existência, por exemplo. Com seus replies e DMs (Direct Messages) como forma de interação para não parecermos loucos falando sozinhos; e seus preferidos RTs (retweets), que foram precursores dessa vibe de compartilhamento de hoje em dia, o velhinho Twitter ainda é o preferido de muitos.

Segundo a própria rede social, a contagem trimestral de usuários ativos mensais da empresa subiu 9 milhões em abril deste ano, em relação ao trimestre anterior e atingiu a meta de 330 milhões de usuários. A expectativa dos analistas era de uma média de 318,8 milhões. Com 41 milhões de pessoas ativas na rede, o Brasil ocupa o segundo lugar no ranking de usuários, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, que contam com 141 milhões de usuários.

No entanto, o lucro do Twitter caiu 36% no segundo trimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado. Mesmo assim mantém sua receita em R$ 3,7 bilhões.

De acordo com pesquisa realizada pela própria rede social, no Brasil, 42% dos usuários são mulheres e 58% são homens. Enquanto a maior parte dos usuários está na faixa dos 21 a 44 anos, adolescentes ocupam 15% dessa fatia e apenas 6% têm mais de 55 anos. Percebe-se que é uma rede social bem democrática, entretanto, ainda é preferida pelos formadores de opinião de meia idade.

Mas o importante aqui é que, independentemente de gênero, idade, cor, raça, time de futebol, o queridinho Twitter segue sua trajetória mostrando que ainda tem fôlego para competir com as outras redes sociais, e de forma lucrativa. Então, só nos resta desejar vida longa ao Twitter!


Share this article